Mizuno Review

We spent 6.9 hours reading reviews from experts and users. In summary, this is what runners think:

5 reasons to buy
Many runners applauded the Mizuno Intercool technology that keeps the foot dry and cool.
The upper has an air mesh that is breathable.
Some runners were impressed by how comfortable the Wave Prophecy 5 is.
It comes with a removable insock for added cushioning and comfort.
It has the Mizuno X10 technology that adds durability to high wear areas.
3 reasons not to buy
The Mizuno Prophecy 5 is very expensive.
Some runners felt that this shoe is very heavy.
Others felt that this shoe is not well-cushioned as promised.
Bottom line
The Mizuno Wave Prophecy 5 is a neutral running shoe that offers excellent feel, flexibility and comfort. This shoe is best for performance training and for short and long distance road running.

Expert Reviews

80 / 100 by Runner’s World • Runner’s World • Level 5 expert
Wear testers report that the shoe is a bit heavy and stiff, but gave it high marks for the supportive ride it offered to larger runners, particularly women.
77 / 100 by Runner’s World • Runner’s World • Level 5 expert
Wear testers report that the shoe is a bit heavy and stiff, but gave it high marks for the supportive ride it offered to larger runners, particularly women.
80 / 100 by Runner’s World • Jonathan Beverly • Level 4 expert
Though a bit heavy and stiff, the Prophecy 5 offers a supportive ride.
77 / 100 by Runner’s World • Jonathan Beverly • Level 4 expert
Though a bit heavy and stiff, the Prophecy 5 offers a supportive ride.
50 / 100 by Running Shoes Guru • Michael Mason-D’Croz • Level 4 expert
It is very pricey, and although the fit was superb, it did not deliver on the cushioning that was expected.

Updates to Mizuno Wave Prophecy 5
Mizuno’s top of the line trainer gets a massive boost in its breathability by introducing the AirMesh in the 5th installment of the hugely popular Prophecy series. Simply put, the effect of such type of mesh really ventilates the shoe for a sweat-free and cool run.
Comprehensive upper modifications continue as Mizuno utilizes a large, plastic heel counter to truly hold the foot in place. Runners can see that this external heel counter is directly connected to the sole of the shoe. When the right fit is found, it simply means that the heel moves as one with the foot because of this substantial counter.
There are also additional stitched overlays in the upper of the Prophecy 5. These are strategically placed to deliver support right where the runner needs it and a little freedom of movement wherever it is supposed to happen. The new heel counter and prominent overlays make the shoe heavier than the last model, but has, the more durable support and enhanced midfoot hold.
Lastly, the new model offers a more padded collar and tongue to improve the already plush feel of this shoe.
Mizuno Wave Prophecy 5 size and fit
The snug heel and midfoot of the Wave Prophecy 5 live up to the benchmark of the past iterations of this line. A roomy toe box allows most runners to have a really good fit in this shoe. The standard width of D for the men’s and B for the women’s is the offered width. Sizing is on the money in this shoe. Sizes are from 6 to 15 for the men’s and 4 to 11 for the women’s.

Outsole
The sophisticated look of the outsole is largely due to the presence of the X10 blown rubber that enhances grip and cushioning in the shoe. There are flex grooves as well to make room for flexibility.

Midsole
The midsole is stuffed with many of Mizuno’s best technologies. Running across the heel to the forefoot is the U4iC foam, which greatly helps with the shock-absorbing features of the shoe and adds to the responsive cushioning. A network of gender-specific grooves in the midsole provides flexibility and greatly improves the movement from the rear to the forefoot. Mizuno calls this the Smooth Ride technology. Another series of ports are drilled in the midsole. Known as the Intercool system, these ports increase the shoe breathability by several degrees.

Lastly, there are the two Wave technologies. First is the thermoplastic Infinity Wave in the heel, which absorbs shock and returns the impact for more energy. Further up, near the forefoot is the Extended Wave that is of the same materials as the Infinity Wave and works as an energy-saver as well as a propulsive factor during takeoff.

Upper
The new AirMesh provides exceptional breathability. It works with the Intercool system or the ports in the midsole to ensure runners of a very cool and sweat-free run. Mizuno’s sophisticated Dynamotion Fit is used in the upper. With an upper that is engineered to work with the runner’s foot, the Dynamotion Fit wraps the foot in comfort and security. The additional stitched overlays improve upper durability and locks down the midfoot. An Ortholite Sockliner with anti-microbial properties allows a healthy interior and shields the foot from possible irritation.

Quem é Olívia Andriolo

Quem é Olívia Andriolo

Olívia é fisioterapeuta e especialista em treinamento funcional e pilates. Já ajudou mais de 26 mil mulheres a emagrecer e definir o corpo de forma saudável!

Ela é a idealizadora do Corpo de 21 Power, e em apenas 2 anos, a Olívia transformou a vida de mais de 26 mil mulheres brasileiras com o método ensinado pelo Corpo de 21!

A Olívia mesma testou, aprovou e comprovou os exercícios que ensina no Corpo D21Power às alunas.

O Treino Programa Emagrecimento Corpo de 21 foi criado para as mulheres que procuram um novo modelo de emagrecimento, baseado em uma forma eficiente para emagrecer por meio de exercícios simples e rápidos para fazer, utilizando apenas 21 minutos de seu tempo diário.

Com o programa de Emagrecimento do Corpo de 21 você precisará apenas se exercitar apenas 21 minutos por dia e esses 21 minutos trarão para o seu corpo os mesmos resultados de 1 hora e 30 minutos de exercícios em uma academia.

O Curso Corpo de 21 ensina a técnica de Treinamento Intervalado e os exercícios de Pilates, exercícios para perder barriga que são super eficazes para queimar gordura e definir o corpo, deixando fortes os seus braços, pernas, glúteos e abdômen.

O Corpo de 21 Power é super eficaz para queimar a gordura do corpo, porque os exercícios que você aprenderá a fazer são intensos, rápidos, e aumentam a velocidade do seu metabolismo, ajudando seu corpo a queimar muita gordura!

Desde que o programa iniciou, literalmente milhares de mulheres estão conseguindo emagrecer com saúde, queimando gordura e mudando seu corpo – e isso não tem preço!

Quais os Benefícios do Corpo de 21 Power:

O Corpo de 21 trabalha com o Triângulo do Emagrecimento. E isso é especial para emagrecer de forma rápida, pois livrará você das 3 coisas que realmente mais dificultam a vida de quem deseja emagrecer:

Você não terá necessidade de fazer as famosas dietas malucas que apenas fazem você passar fome mas não emagrecem, sem dietas malucas!
Você não dependerá de praticar exercícios cansativos que além de tomar muito tempo ainda não trazem os resultados que você deseja, sem academias e sem equipamentos
E você não passará pelo desânimo de tentar emagrecer e não conseguir, ficando deprimida e sem motivação para buscar realizar seus sonhos, e apenas com 21 minutos por dia!
Ao comprar o Corpo de 21 você receberá o acesso para vários conteúdos que foram feitos com o objetivo de ajudar você a se alimentar melhor.

E você também receberá também muitas dicas para ficar mais motivada e autoconfiante, e isso também é muito importante no processo de emagrecimento saudável, pois equilibra seu corpo e suas emoções, deixando você completa e melhorando sua auto estima.

Você poderá assistir as vídeo aulas e praticar os exercícios em sua casa, por meio de seu computador, notebook, tablet, e até TV com conexão com a internet.

O Programa Corpo de 21 Power funciona mesmo?

Sim!! Com o Corpo de 21 você poderá:

– Fazer apenas 21 minutos de exercícios por dia, e esses treinos valerão mais que uma hora de academia

– Você poderá comer o que quiser, e seu corpo continuará queimando as gorduras

– Você aprenderá os melhores exercícios para seu corpo ficar definido, e são exercícios muito simples e fáceis de fazer, que fortalecem as pernas, glúteos, braços e abdômen.

Como Cuidar de Orquídeas

A orquídea é um tipo de planta que apresenta belas Flores, justamente por isto fascina muitas pessoas que são verdadeiros apaixonados pela sua beleza e encanto, mas também precisa ser bem cuidada por ser muito sensível.

Para cuidar delas corretamente é preciso ter um conhecimento de algumas coisas essenciais; saber como regar, quantidade de luz que precisam,o que fazer contra as pragas, que adubos usar, como cuidar em casa, quais os tipos de orquídeas que crescem bem em apartamento e outros..

É justamente por falta de conhecimento que muitas pessoas ganham ou compram esta flor e por não saber cuidar acabam vendo a plantinha morrer ou não conseguem fazer com que elas floresçam novamente, este inclusive é o motivo que faz com que ganhe a fama de flor frágil.

Vou te dar um exemplo:

Várias pessoas que não tem conhecimento ganham orquídeas de presente, depois cometem um erro fatal de plantar na terra no jardim onde pega sol forte, com isto é óbvio que a flor vai morrer e quando isto acontece acham que ela é frágil..

Por isso é fundamental conhecer bem esta planta incrível e cuidados necessários afim de evitar que coisas assim aconteçam.

Conhecendo as Orquídeas

 

Caso você realmente queira aprender como cuidar de orquídeas, então o primeiro passo é aprender alguns conceitos e informações básicas sobre esta planta para assim entender porque ela é muito especial!

E para conhecer uma planta a melhor coisa a se fazer é saber como ela cresce e se comporta ao ar livre na natureza

A natureza sempre fornece às plantas tudo aquilo de que precisam para suprir suas necessidades, com isto em mente você sempre deve tentar reproduzir o ambiente que a natureza oferece em seu jardim ou sua casa desta forma pode ter certeza que suas flores serão Sensacionais.

No caso das Orquídeas temos um “porém”  já que nem todas destas plantas são iguais,ela se divide em 3 grupos de flores diferentes. A diferença é relacionado ao tipo de crescimento entre cada tipo de orquídeas, ou seja, o grande segredo inicial é que você vai precisar identificar qual o grupo da sua planta para assim realmente conseguir cuidar dela da forma correta!

Algumas crescem  nas árvores, são as chamadas de Epífitas, outras crescem sobre materiais na terra (terrestres) e o outro grupo cresce sobre rochas (litófitas). O tipo mais comum e que representa a maior parte delas é o das Epífitas, as que crescem nas árvores e é por isso que vou dar destaque a elas aqui.

 

As epífitas usam pequenos arbustos ou árvores como uma espécie de base para fixar suas raízes e na maioria dos casos estão acostumadas a viver sem muita luz solar devido a proteção da sombra. Mesmo vivendo sobre outras plantas elas não são parasitas, não geram dano as plantas sobre as quais crescem.

Se você está sempre plantando na terra deve estar estranhando ao imaginar da onde elas conseguem os nutrientes necessários se não estão obtendo do solo..

Isto não é um problema pois elas conseguem obter todos nutrientes do ar ou do que cai dos galhos mais altos. Elas são preparadas para isto com uma capacidade incrível de absorver água e nutrientes porque as suas raízes  estão expostas ao ar, ou seja, não são como das outras flores.

Por isto é tão importante conhecer profundamente tudo sobre estas plantas, se uma pessoa sem conhecimento plantar uma orquídea na terra como está acostumada com outras flores, vai acabar sufocando e matando ela.

Devido a  características especiais como estas, os cultivadores precisam cuidar das orquídeas de uma forma bem especial, é necessário dedicar tempo, atenção e muito amor para fornecer tudo que elas precisam. É também graças a esta característica que você precisa utilizar medidas de água diferente do que utiliza com demais flores, pois as orquídeas captam a umidade do ar, além disso também precisa de menos quantidade de luz por estar acostumada a sombras, a mesma coisa em relação a adubação pois não vive na terra…

Mas então quanta luz, quanta água, como adubar?

É exatamente ao desenvolver esta relação íntima, em que você conhecerá sua flor em detalhes, que tornará o cultivo da orquídea tão especial. Ela retribuirá o seu amor com as flores mais lindas que você já viu, será sua amiga e companheira.

Agora que você já conhece teve acesso a estas informações e e cuidados básicos necessários, vamos falar um pouco a respeito da melhor forma de cultivo e cuidados em casa.

Como Cultivar Orquídeas em Casa

Muitas pessoas querem cultivar orquídeas em casa ou apartamento, neste caso a primeira coisa a fazer é entender qual é o melhor lugar para colocá-las.

Já citei algumas características destas plantas incríveis e você já percebeu que são bem diferentes das demais plantas, isto também acaba exigindo um cuidado diferenciado, você precisa escolher o melhor local que vai ajudar sua plantinha a crescer de forma adequada e saudável.

 

Pelo amor de Deus, NUNCA Faça isto que está na imagem acima, você vai matar as florzinhas…Se você alguma vez já fez algo assim antes então você precisa ler urgente o Manual Como Cuidar de Orquídeas, por favor não compre ou leve mais orquídeas para casa antes de fazer isto..rs

Onde colocar sua orquídea?

As pessoas acham lindo colocar um vaso de orquídeas em uma mesa no centro da sala, porém não é nem de perto o lugar mais adequado para isto, outros colocam próximo a janelas o que já é uma opção bem mais interessante.  Mas alguns tipos de orquídeas precisam de condições diferenciadas que requer em alguns casos que você crie uma área dedicada especialmente para o cultivo.

Como elas não são como as demais plantas que você provavelmente possui em casa, devido ao diferencial de não crescer na terra e não receber diretamente a luz solar , você precisa verificar alguns pontos na hora de escolher o local onde pretende colocar sua “plantinha especial”:

1. Luminosidade

2. Temperatura

3. Ventilação

4. Umidade

A Quantidade de Luminosidade Ideal

Quando alguém compra uma orquídea e não consegue fazer ela florescer o conselho mais ouvido pelos cultivadores ou floristas é de que você deve dar mais luz a elas..

O florescimento não depende apenas da quantidade de luz, mas certamente que é um dos fatores essenciais para que elas consigam produzir flores lindas e saudáveis, portanto preste muita atenção na questão da iluminação.

Lembra da questão de pensarmos em como a planta se comporta na natureza, no ambiente natural ? Pois é só lembrar disso aqui.. O que ocorre nas árvores? Graças aos galhos, folhas e movimentos dos mesmos as orquídeas recebem luz durante todo o dia mas não de forma direta, como se recebesse “luminosidade filtrada”, então isto demonstra que elas precisam deste “filtro” na iluminação para crescer bem.

Em outras palavras, ao escolher um local em casa ou no apartamento coloque elas perto das janelas, porém de uma forma que não fiquem expostas diretamente ao sol, utilizando as cortinas como proteção/filtro por exemplo.

Primeiro Segredo: evitar a exposição direta a luz do sol!

Esta questão de luminosidade realmente é muito importante, por isso você precisa sempre estar atento e monitorando para ver se o local onde colocou suas plantas é adequado. Elas dão alguns sinais que podem te mostrar se a iluminação está ideal ou não, basta prestar atenção diariamente para perceber algumas mudanças:

–  Se elas começarem a ficar com as folhas amarelas é sinal de que o local está com excesso de luz.

– Se as folhas começarem a ficar escuras é sinal de que está faltando luz no ambiente e como consequência as folhas podem ficar mais longas e  ela pode não florescer.

Viu como não é Complicado?

Quando a iluminação for adequada as folhas sempre vão estar verdes claro com tamanhos similares e brilhantes, ou seja, com aspecto de vida!

Acertar na iluminação é essencial para que elas tenham lindas flores brotando regularmente.

Cuidados com a Temperatura

Este é o segundo segredo que a maior parte dos iniciantes não conhece. As orquídeas não gostam de temperatura constante e este é um dos fatores que impede que elas floresçam, elas estão acostumadas a variações de aproximadamente 15 graus durante todo o dia.

Se você deixar elas fora de casa ou na varanda do apartamento elas já vão estar vivendo esta variação naturalmente, só é preciso tomar cuidado de levar as plantas pra dentro caso você more em uma região muito fria que fica com temperaturas abaixo de 15 graus a noite como a gelada Curitiba ou outras cidades do Sul do Brasil.

Se você faz o cultivo somente dentro de casa ou apê, a variação de 15 graus provavelmente não vai ocorrer pois é muito difícil variar tudo isto num ambiente interno, mas você precisa resolver isto pois caso contrário as flores podem não brotar.

Outro ponto importante é que a temperatura interna neste caso deve SEMPRE estar ACIMA de 15 graus e de preferência com temperaturas maiores durante o dia..

Se você deixar elas em ambiente aberto durante a manhã e a tarde você deixou a orquídea em ambiente aberto em locais como sacadas,pátio ou em janelas (protegidas do sol em todos os casos ) então é necessário levar elas para dentro na parte da noite devido a queda de temperatura.

Se você mora em uma cidade ou região do país muito fria como no sul ( Gelada Curitiba, lembra ?..rs) em que no inverno as temperaturas ficam bem baixas utilize algo como papelão para isolar o frio existente entre planta/janela.

COMO DESCOBRIR A TEMPERATURA IDEAL

Aqui vale a mesma regra da questão da luminosidade, ou seja, observar sempre..Fazendo isto a planta vai dar sinais que ajudam a identificar se está tudo bem ou não:

Ao ficar expostas a temperaturas muito baixas as folhas ficam moles e escurecem levando a planta num todo a ficar frágil e exposta por não conseguir se defender de bactérias ou fungos..

E para saber se está muito quente?

No caso de temperaturas muito altas as folhas ficarão amarelas ou pretas devido a sinais de queimadura.

Além disso folhas ainda podem ficar com as pontas de cor castanha e secas, também pode ocorrer quedas de folhas ou aparecer folhas deformadas. Se o calor for muito forte as orquídeas podem simplesmente não aguentar, portanto cuidado e atenção no verão e em dias muito quentes..

Ventilação Também é Importante

Umidade e ventilação estão super conectadas, dependendo do meio em que você coloca a planta se houver umidade sem ventilação pode acontecer das raízes apodrecerem..

Voltando a natureza mais uma vez…rs

Lá existe uma ventilação muito boa com a qual estão acostumadas. Você precisa tentar imitar ou reproduzir este ambiente em sua casa ou local de cultivo pois o controle adequado da ventilação e qualidade do ar é muito importante para que cresçam saudáveis.

Ao cultivar dentro de casa é recomendado que você abra as janelas quando o tempo estiver quente, pois vai ocorrer circulação de ar. Quando o dia estiver sem ventos ou com pouca circulação você pode usar um ventilador pequeno por perto que já vai ajudar, a planta precisa de uma brisa suave e constante para diminuir os efeitos do calor excessivo e umidade.

Só tome bastante cuidado com o “tipo de ar” estamos falando de ar seco e quente, ventos frios e umidade são prejudiciais e podem provocar manchas e apodrecimento das hastes e botões.

DICA: Aumente os cuidados no inverno porque a água leva mais tempo para evaporar e isto pode ser prejudicial causando apodrecimento e outros males..

OLHO VIVO NA QUALIDADE DO AR

Se você é fumante e ama suas plantas, então NUNCA, Nunca mesmo fume perto delas. Também sempre lave super bem suas mãos antes de manuseá-las afim de evitar contaminação pois o  tabaco causa doenças para a plantas, sim, além de fazer mal para as pessoas e animais, também faz mal para as plantas..

Se você não for fumante pode estar tranquilo em relação a isto, mas infelizmente não é só o cigarro e sua fumaça que fazem mal para as orquídeas e sim todo tipo de poluente atmosférico que estão acumulados no ar devido a aerossóis e outros.

A melhor coisa a fazer para evitar este risco e diminuir a poluição do ar na sua casa é “escancarar” bem as janelas pro ar entrar e circular.

Você também pode investir em filtros de ar, eles ajudam a remover sujeira, poeira e outros poluentes, mas não removem gases.

Umidade => Aprenda Qual a Dose Ideal de Água

Os iniciantes tem muitas dúvidas a respeito de como regar as plantas. Aqui também tem um segredinho bem simples: regar apenas quando o substrato estiver seco!

 

Lembra que a orquídea usa o ar para absorver a água que precisa ? Então certamente que o ar tem um papel de destaque no processo. Você precisa regar suas plantas com ar e água…

Aposto que você nunca leu sobre isso em nenhum lugar antes…rs

Pode parecer estranho mas é verdade, ao regar você deve combinar os dois pois se não tiver ar suficiente, provavelmente vai ter umidade em excesso que pode fazer com que o meio apodreça e fique susceptível a doenças causadas por infecções e fungos.

Outra dica importante: a frequência para regar vai depender da temperatura e umidade.

Você só deve regar quando o substrato estiver seco, porém lembre que nos dias de sol forte e muito calor a água evapora bem mais rápido.

SAIBA QUANDO PRECISAR REGAR

A forma mais simples e eficiente de saber o momento ideal para rega é verificando o peso com a planta molhada e depois verificando com a planta seca, a sacada aqui é regar quando o peso baixa muito.

Não é a toa que as pessoas com experiência no cultivo de orquídeas possuem balanças, não é para fazer regime não e sim para medir o peso das plantas…rs

Mas se você não tem uma balança e não está disposto a usar uma então pode usar um método tradicional que é bem simples, basta por o dedo aproximadamente 2,5 centímetros dentro do substrato para sentir/verificar a umidade, Se estiver seco é o momento de regar.

Dica extra: Para dar chance da planta secar usar água morna no início do dia ajuda bastante!

A dica acima vai diminuir a chance de problemas como apodrecimento. Não tenha receio de regar com bastante água, é só ter cuidado e ir regando olhando atentamente o substrato. Regar é necessário e muito importante, algumas pessoas acham que basta borrifar um pouco de água, mas a verdade é que isto não substitui uma rega boa.

Você já pode começar a cuidar de suas orquídeas com as dicas que passei até aqui, mas atenção, como já expliquei antes estamos falando de uma flor muito especial e que requer vários outros cuidados, todas as dicas acima eu aprendi em um Manual Super Completo Sobre Orquídeas, neste manual tem muitas outras explicações e dicas sobre os cuidados  com orquídea, para saber mais clique no link abaixo:

No link acima você vai aprender sobre TODOS os cuidados especiais que as orquídeas precisam durante cada uma das 4 estações do ano, como adubar, combater pragas e muito mais.. Então não se atenha somente as dicas que passei aqui nesta página!

Bloqueador de DHT

Eu senti na pele. Eu sei o quão aterrorizado e desesperado você está para salvar o seu cabelo.

Houve um tempo em que tomei cada comprimido, erva, chá, ou tónico, desde que houvesse um pequeno indício de que poderia salvar o meu cabelo.

Felizmente, eu não estou mais nesse momento da minha vida, mas as chances são de que você está lá agora, ou pode estar lá brevemente. Você está curioso sobre os bloqueadores de DHT comerciais e naturais que você tem ouvido falar.

Você quer saber como eles funcionam, se são seguros, e, mais importante, quer saber se podem ajudá-lo a salvar o seu cabelo. Eu vou ser honesto. Eu não tenho todas as respostas e eu não testei pessoalmente todos os 10.000 produtos disponíveis no mercado. No entanto, tenho estudado extensivamente a DHT queda de cabelo e eu sei quais tipos de tratamentos funcionam e quais não funcionam.

Se você não conhece o problema do DHT, então veja o nosso artigo sobre a dihidrotestosterona.

Pílulas Comerciais e Ervas

As pílulas são a forma mais comum de todos os produtos anti-DHT. Há literalmente milhares de produtos no mercado. Alguns são feitos a partir de ingredientes à base de plantas. Outros são feitos a partir de produtos químicos artificiais ou uma combinação dos dois. Enquanto cada um é uma mistura única, todos eles são projetados para produzir o mesmo efeito, parar a DHT de matar o folículo piloso.

Isto é conseguido através de uma ou mais das três formas:

  • Se ligar com os receptores androgênicos no folículo piloso, não deixando espaço para a DHT se estabelecer lá.
  • Bloquear as enzimas 5AR que metabolizam testosterona em DHT.
  • Reduzir a produção de testosterona e eliminar a testosterona livre, armazenada e convertida em DHT no couro cabeludo.

Estes são três objetivos lógicos e, em teoria, estes produtos deveriam funcionar. No entanto, as coisas não são tão simples para meter em uma pílula milagrosa.

Para ajudar você a entender os problemas por trás desses comprimidos, é importante olhar como eles efetivamente alcançam essas três metas.

Ligar aos Receptores de Andrógenos

Esta é a mais fácil de contestar. Você mesmo pode pesquisar, mas posso lhe dizer que nunca houve qualquer estudo clínico que comprovasse que os bloqueadores de andrógenos realmente trabalhassem no couro cabeludo.

Muitos rótulos de produtos citam estatísticas favoráveis, mas estes não são números viáveis. Estes “testes” foram realizados em laboratórios comerciais e foram manipulados. Eles pagaram para obter os resultados que eles queriam.

Uma organização independente, sem fins lucrativos de estudo nunca foi capaz de provar a eficácia dessas pílulas. Houve extensos estudos, mas nunca revelaram quaisquer resultados melhores do que placebo.

Estes produtos são um desperdício do seu dinheiro e do seu tempo.

Bloquear Enzimas 5aR

Em vez de dar-lhe uma lição sobre o bloqueio da 5AR, eu quero lhe ensinar sobre o principal elemento dessas pílulas. A maioria dos bloqueadores de DHT, comerciais e de ervas, contêm serenoa repens ou um ingrediente com uma composição química semelhante.

Como expliquei no artigo das plantas medicinais para queda de cabelo, a planta serenoa repens é muito arriscada para tomar. Apesar disso, muitas pessoas vão dizer que é o melhor bloqueador de DHT, porque não bloqueia diretamente a 5AR.

O problema é que não visam especificamente 5AR. Visam todas as enzimas com estrutura semelhante. Isto inclui dezenas de outras enzimas, algumas das quais são responsáveis por muitas outras funções importantes, mas não relacionadas.

Algumas dessas enzimas promovem a saúde do fígado, algumas ajudam a manter a fertilidade, e algumas ajudam o corpo a metabolizar o açúcar.

Estas são apenas algumas das funções importantes que corpo necessita de enzimas semelhantes à 5AR. Uma vez que os bloqueadores 5AR não podem atingir a 5AR somente, há uma grande probabilidade de também bloquear enzimas semelhantes.

Você pode parar a sua queda de cabelo, mas você também pode ganhar um problema de açúcar no sangue ou algo semelhante.

Os bloqueadores de 5AR são provavelmente as “pílulas milagrosas” mais tentadoras. Se você decidir dar-lhes uma chance, eu ainda convido você a pensar no seu corpo em uma abordagem global para corrigir o motivo original de produção DHT em excesso. Eu também encorajo você a prestar atenção no seu corpo e fazer exames regulares para verificar se você não está tendo algum efeito colateral.

Reduzir a Produção de Testosterona

Esta é realmente a opção mais viável quando se trata de bloqueio da DHT.

A testosterona pode ser facilmente manipulada, como qualquer fisiculturista diz. No entanto, é aí que a situação se pode tornar perigosa.

Em geral, eu não promovo comprimidos bloqueadores de DHT queda de cabelo porque não existe nada no outro lado da equação. Seu corpo é um sistema de freios e contrapesos.

Para cada hormônio ou enzima que produzimos, há outro hormônio no nosso corpo que é produzido para combatê-lo e manter a harmonia física.

É esperado que seu corpo produza testosterona, mas também é esperado que ele produza enzimas anti-andrógenas para manter a sua quantidade de testosterona em ordem para que ele nunca produza DHT.

No entanto, você também deve produzir o suficiente de um hormônio para neutralizar essas enzimas anti-andrógenas para garantir que você não se torne deficiente de testosterona.

Seu corpo está funcionando mal e você tem um desequilíbrio hormonal. Você não está produzindo anti-andrógenos suficientes para manter a sua DHT em ordem e você está produzindo, em excesso, dos hormônios que estimulam a produção de testosterona.

Você pode adicionar uma pílula na mistura, mas não há nada em seu corpo que está preparado para metabolizar e neutralizar a pílula. Você pode facilmente criar uma situação mais tóxica.

Shampoos e Produtos Tópicos

Outro produto popular é shampoo para queda de cabelo. Os shampoos comerciais, à base de plantas e produtos químicos e bloqueadores de DHT, são um negócio muito lucrativo.

Espera-se que estes shampoos sequem o couro cabeludo com produtos químicos ou ervas que bloqueiam DHT. Supostamente eles penetram no folículo piloso, limpando e tirando a DHT presente.

O problema aqui é simples, eles não funcionam. Se funcionassem, não haveria mais nas prateleiras das lojas e eles custariam 2 a 3 vezes a mais do seu preço atual, já caro. Claro, milhões de reais em marketing dizem o contrário, então me deixe explicar.

A DHT está em seus folículos capilares e o óleo e sebo entopem os poros. Podem ser lavados com qualquer shampoo saudável ou soro para couro cabeludo que contenham ingredientes que quebram sebo que contém a DHT e gentilmente a remove.

Não é preciso ser um shampoo caro para fazer isso, pode ser o certo com os ingredientes certos, que normalmente podem ser feitos em casa.

Os produtos químicos bloqueadores de DHT podem até neutralizar a DHT diretamente sobre a superfície do couro cabeludo e do folículo piloso. No entanto, os produtos químicos próprios podem ser muito invasivos para o seu folículo já doente e pode causar mais inchaço, piorando a situação. Mais importante ainda, a DHT também está na pele ao redor e sob o seu folículo.

Se você não faz nada para resolver a DHT vindo de dentro de seu corpo, você está lutando uma batalha difícil, que você vai perder. Você pode gastar muito dinheiro em produtos tópicos. No entanto, é melhor investir em uma resposta global do corpo.

Que Procurar Num Bloqueador de DHT?

Como eu disse antes, eu já estive onde você está agora. Não importa o que você leu antes ou vai descobrir sobre a queda de cabelo, muitos de vocês ainda vão ser vítimas da fábrica de boatos.

Quando você encontrar com um velho amigo de um amigo e ele falar sobre outra nova pílula milagrosa que é o segredo para o sucesso, você não será capaz de resistir a tentar.

Eu gostaria de poder salvá-lo da experimentação. Ela pode lhe causar muito mais problemas do que resolver.

Como não posso impedi-lo, deixe-me pelo menos oferecer-lhe conselhos para ajudá-lo a tomar uma decisão sábia sobre a experimentação de novos produtos:

O Produto É Novo?

Ninguém quer ser uma cobaia, mas isso é exatamente o que você vai ser se você está experimentando algo que é tão novo que nós realmente não sabemos como funciona ou quais efeitos colaterais tem. Muitas vezes nós descobrimos, depois de anos, que um produto que pensávamos ser inofensivo realmente causou problemas potencialmente fatais.

Só você pode decidir correr esse risco, mas eu recomendo fortemente que você espere os fatos antes de tentar algo novo.

É Aprovado pela FDA ou ANVISA?

Organizações governamentais exigem um amplo estudo dos alimentos e suplementos antes de conceder a aprovação. Enquanto eu não estou convencido se testes regulatórios vão provar ou não se um produto é efetivamente bloqueador de DHT, eu acredito que, pelo menos, eles vão nos dizer se o produto é perigoso.

A DHT é um hormônio e quando você está alterando quimicamente seus hormônios você está correndo o risco de alterar os hormônios errados. Isso pode levar à insuficiência hepática, câncer, doenças do coração e muitos outros problemas de saúde.

Ao escolher um produto regulamentado, você pode se sentir um pouco (embora, provavelmente, só um pouco) mais seguro do que ao selecionar um produto não regulamentado.

Quão Processado É?

Este é um dos maiores impedimentos na compra de um produto comercial. Você deve ter notado o quanto eu promovo o uso de ingredientes frescos e integrais no Livro da Queda de Cabelo. Isso é porque você rapidamente perde todo o valor nutricional quando se aquece, armazena, congela ou processa uma erva, mineral, ou extrato.

Quando um produto é cozido para esterilização, concentrado para eficiência de custo e, em seguida, adicionado cor e sabor para parecer bom estão basicamente garantindo que você não vai obter nenhum benefício dele.

Há Sobrecarga de Ingredientes?

Você pode exagerar uma coisa boa e pode exagerar de uma coisa ruim. Isso acontece muito frequentemente quando se trata de suplementos de ervas de venda livre. Cada ingrediente que se pode pensar que é remotamente relacionado à queda de cabelo cabe em uma pequena pílula ou conta-gotas do líquido.

Produtos comerciais à base de plantas combinadas podem conter dezenas ou talvez centenas de ingredientes.

Infelizmente, muitos destes produtos neutralizam-se um ao outro ou realizam tarefas similares e sobrecarregam o seu corpo. Evite a sobrecarga, se você quiser tentar algo novo, experimente um ingrediente de cada vez.

Natural Nem Sempre É Saudável

O pessoal do marketing não é bobo. Eles prestaram atenção e perceberam que nós, como sociedade, queremos ficar longe de produtos artificiais e desejamos alternativas naturais.

Infelizmente, os produtos naturais raramente são minuciosamente estudados em questões de eficácia ou segurança. Eu já mostrei como alguns ingredientes naturais podem ter efeitos colaterais perigosos. Só porque algo é “natural” não garante que isso irá ajudá-lo ou ser bom para você.  Certifique-se de ler o rótulo e fazer sua pesquisa para garantir que todos os ingredientes “naturais” também são saudáveis.

Uma Opção Equilibrada

Eu não sou um fã de atalhos. Se você leu o meu livro, você já sabe isso sobre mim.

Os atalhos são perigosos. Não há “outro lado da equação” e não há equilíbrio. Eu estou quase atingindo o equilíbrio. O equilíbrio leva o seu corpo de um estado de sobrevivência à prosperidade, e seu couro cabeludo de morrer a viver.

Alcançar o equilíbrio foi como salvei o meu próprio cabelo e me fez sentir melhor e mais forte que antes. Eu quero que você alcance o equilíbrio. Eu quero que você se sinta tão bem quanto eu. Eu quero que você seja feliz com você mesmo quando você se olha no espelho.

Eu não acredito que uma pílula ou um shampoo caro seja a sua resposta. Os suplementos certos vão ajudar, mas você pode bloquear a DHT naturalmente com uma solução vinda de dentro do seu corpo com o programa do Livro da Queda de Cabelo.

Depois de atingir um equilíbrio interno, você vai parecer e se sentir melhor. Depende de trabalho e empenho, mas os resultados serão tão notáveis que os rumores não serão capazes de parar de falar sobre o seu segredo para o sucesso.

Curso PHP do Zero ao Profissional

Quer saber o que vai encontrar no Curso PHP do Zero ao Profissional? Se sim, você está no lugar certo! Eu estava já há algum tempo procurando um bom curso que me ensinasse a programar em PHP. fique comigo até o final para saber TUDO a respeito:

Se você chegou até aqui, é porque você está procurando uma maneira simples, rápida e acessível de aprender programação para web. Seja para desenvolver um projeto pessoal, começar uma startup, conseguir um emprego ou para aprender uma nova linguagem.

Fique tranquilo pois existe um método que está ajudando centenas de pessoas que não sabiam absolutamente NADA de programação, a se tornarem verdadeiros especialistas a partir do absoluto zero. Graças ao curso PHP do Zero ao Profissional, essas pessoas estão conseguindo dar a volta por cima e vencer a crise através das oportunidades que começaram a aparecer.

O treinamento PHP do Zero ao Profissional, é um curso feito com muita dedicação pelo grande Bonieky Lacerda. Ele atua como desenvolvedor web sênior a mais de 10 anos. E é especialista em PHP, Javascript, HTML 5 / CSS 3 e Objective C. E depois de criar mais de 150 projetos no mundo inteiro, resolveu compartilhar todo o seu conhecimento neste curso.

O que o PHP do zero ao Profissional ensina?

Você vai aprender tudo na prática, através de exemplos reais. O Bonieky cria junto com você um sistema completo, passo-a-passo. Na verdade mais de um. Nesse curso você vai aprender recriando alguns dos sistemas que mudaram o mundo como Facebook e Twitter. Sim, no curso PHP do Zero ao profissional você aprende a fazer a sua própria rede social como um dos exercícios.

Para comprar agora mesmo clique aqui.

O que é o curso PHP do Zero ao Profissional?

Php do zero ao profissional

É um curso em vídeo, criado por um dos maiores especialistas em PHP no brasil, o Bonieky Lacerda, nele ele te ensina como dominar a linguagem, passo a passo, de forma totalmente prática. O curso é 100% online, por isso você pode fazer de onde quiser e quando quiser, mesmo que só tenha 20min naquele dia.

E se você tiver alguma dúvida é só acessar a Área exclusiva para tirar dúvidas. Além disso cada aula tem seu próprio espaço para dúvidas, e elas serão respondidas o mais rápido possível.

Você não faz ideia de como é fácil aprender através das aulas e dicas desse curso.

Resumindo: Este é o curso que você estava esperando. Que vai fazer você se tornar um verdadeiro especialista, não importando se você já tem conhecimento em outra linguagem de programação, ou se é um verdadeiro iniciante.
Após as primeiras aulas você já conseguirá fazer seus primeiros programas e com o tempo será capaz de criar sistemas tão complexos como o Facebook, Twitter ou seu próprio CMS como o WordPress.

Acesse o Site Oficial Para Informações Completas:

Nada de ter que pagar cursos presenciais caros com apenas uma aula por semana e alunos que te puxam para baixo. Com o Curso PHP do Zero ao Profissional você que decidirá o ritmo dos seus estudos.

O Método PHP do ZERO ao Profissional, funciona?

Eu sei que é normal ter dúvidas a respeito do que você já leu até aqui, afinal parece ser “bom de mais para ser verdade” e por isto a reação de questionar se o método funciona ou não é legítima. Para tirar esta dúvida nada melhor do que ver os testemunhos de alguns alunos do Curso PHP do Zero ao Profissional, veja quais dúvidas eles tinham antes de adquirir:

Quanto tempo eu terei para assistir as aulas?

Cada pessoa tem um tempo disponível para se dedicar aos estudos do PHP. Alguns podem disponibilizar várias horas por dia e outros apenas os poucos minutos do intervalo de almoço do trabalho.

Esse curso foi feito pensando na melhor maneira possível de potencializar o seu aprendizado, mesmo que você tenha pouco tempo livre. Por isso o seu acesso é vitalício. Isso mesmo, você não precisa se preocupar pois não terá um prazo para assistir as aulas. Uma vez inscrito você terá o acesso para sempre, incluindo todas as novidades e atualizações futuras.

Recebimento e Garantia

Após a sua compra você receberá imediatamente em seu e-mail os dados de acesso ao curso PHP do Zero ao Profissional, você também vai receber outras informações como o acesso para participar do grupo exclusivo para membros, no facebook, nesta área você vai poder tirar todas suas dúvidas em relação ao uso do método e contar tanto com a ajuda do professor Bonieky Lacerda, quanto dos outros alunos.

Como Comprar PHP do Zero ao Profissional com Segurança
Sua compra é 100% segura, portanto pode ficar tranquilo, todo o processo de compra e entrega do conteúdo é realizado pela plataforma Hotmart, uma das maiores empresas de venda de conteúdo online do Brasil, a Hotmart possui um ambiente de pagamento com certificados de segurança e portanto 100% seguro.

No o curso PHP do Zero ao Profissional Você Vai Aprender Com Os Módulos:

Módulo #1 – Introdução
Aqui você vai descobrir tudo o que você precisa pra começar. Vai aprender como um site é construído, como a linguagem de programação funciona, quais os termos importantes, os principais editores e etc.

Módulo #2 – Configurando servidor
O passo a passo de toda a configuração de um servidor interno e externo. Mas aqui você não irá apenas repetir tudo como um robô, e sim aprender todas as variações e porquês. Você irá preparar seu ambiente para colocar a mão na massa!

Módulo #3 – Lógica de programação
Essa é a fundação do curso, você aprenderá todos os conceitos de programação. No final desse módulo você saberá a forma de pensar para se programar com eficiência. Você verá vários exemplos e técnicas.

Módulo #4 – Básico
Nesta etapa você será introduzido ao mundo do PHP e todas as suas definições. Criação de variáveis, uso de expressões condicionais, variáveis escaláveis e muito mais…

Módulo #5 – Intermediário
Alguns conceitos mais sofisticados da linguagem serão apresentados neste módulo 5. Uso de loops, funções de manipulação, conexão com bancos de dados e gerenciamento de erros.

Módulo #6 – Avançado
As técnicas mais avançadas de programação estão neste capítulo. Orientação a objetos, utilização de bibliotecas GD, abstração de classes, herança e introdução ao MVC.

Módulo #7 – Super Avançado
Aqui separamos os homens e mulheres dos meninos e meninas, estamos falando de arquitetura de software avançada, o “santo graal” do PHP. Aqui o curso se aprofunda no padrão MVC,HMVC, Singleton e outras técnicas como uso de Cache, versionamento e sistemas multitenancy.

Módulo #8 – Aplicações Práticas
Nesse ponto você já poderá juntar tudo que aprendeu até aqui e criar vários tipos de sistema. O Bonieky Lacerda preparou nesse módulo aulas recriando sistemas famosos como Facebook, Twitter, UOL, ContaAzul, sites, micro-frameworks, CMS e ainda tem um bônus secreto.

Módulo #9 – WebServices
Quer fazer Backend para aplicativos de celular? Esse é seu módulo! Você verá o conceito de aplicações de web services. Eles são os responsáveis por intermediar o acesso entre uma plataforma e um servidor e você aprenderá isso fazendo, através de exemplos práticos.

Módulo #10 – Frameworks
Depois que já souber fazer um sistema na unha, você irá aprender as técnicas que irão te fazer economizar tempo e criar projetos rapidamente. Você verá frameworks ná prática, junto com as melhores técnicas para utiliza-los de forma correta.

Módulo #11 – Técnicas De Venda
Todo programador quer ser capaz de vender seu projeto. Por isso o Bonieky resolveu adicionar este módulo ao curso. Aqui você verá as técnicas que ele mesmo utiliza a anos, você verá que vender seu trabalho não é um bicho de 7 cabeças. E talvez você esteja pensando que não gosta de vender, mas posso te garantir que o que você não gosta é de não vender, depois desse módulo me conte qual sua opinião.

Módulo #12 – Produtividade
Quanto maior sua produtividade, maior será o seu destaque no mercado. Mas não é fácil conseguir ser produtivo. Nesse módulo você aprenderá técnicas que irão ajudar você a criar muito mais em menos tempo.

Depois de tudo isso acho que você já está pronto para adquirir o curso PHP do Zero Ao Profissional, mas se restar alguma dúvida ainda, saiba que se por algum motivo você comprar e não gostar, você tem até 30 dias para cancelar sua compra, pedir reembolso e receber 100% do seu dinheiro novamente, o risco é zero.

Método de Sedução Alpha

Esta é a obra mais completa do autor Adriano Moura, neste material ele aborda todos os temas pertinentes ao desenvolvimento de um método homem alpha. Estratégias que podem ser usadas por qualquer homem, não importa o quanto seja tímido e desajeitado com as mulheres.

O E-book é dividido em 5 capítulos, você estará aprendendo sobre desenvolvimento pessoal, atitudes Alphas, psicologia feminina, sedução, conquista e relacionamento.

O diferencial deste método é que ele foca no desenvolvimento pessoal, sendo assim, você aprenderá uma maneira de evoluir a sua personalidade e consequentemente atrair naturalmente as mulheres.

Você Sabe Como Seduzir Uma Mulher?
Já parou pra pensar porque que alguns homens têm mais sucesso com as mulheres do que outros? Você sabe porque que isto acontece? Não! Então você precisa conhecer o Método de Sedução Alpha.

Assim você descobrirá porque eles sabem exatamente como seduzir uma mulher. A grande diferença deles está na confiança e na atitude que eles têm.

A auto confiança é o pilar básico para todos homens que desejam atrair mais mulheres, ou melhorar seus relacionamentos em geral.

Uma pessoa sem confiança nunca vai explorar o seu potencial máximo que poderia. Foi pensando nisto que o Adriano desenvolveu o Método de Sedução Alpha, onde ele mostra exatamente como se transformar em um verdadeiro método homem alpha.

Enquanto conhecer mulheres novas é algo extremamente desafiante para a maioria dos homens, isso pode vir a ser um hábito natural na sua vida.

Dinheiro Atrai Mulheres?
A maioria dos homens acredita que é preciso ter dinheiro para atrair mulheres lindas. Mas a verdade é que não é o dinheiro que as deixam atraídas, e sim a segurança que ele passa.

Enquanto nós homens vamos atrás da beleza física das mulheres, elas buscam homens que as façam se sentir seguras e protegidas.

E para que você consiga fazer com que as mulheres se sintam seguras na sua companhia existem duas características básicas que todo homem precisa ter, que são: Confiança e Atitude.

É fundamental ser uma pessoa confiante e de atitude. Mesmo que hoje você não tenha essas características, é completamente possível mudar isto.

Qualquer homem pode se transformar em uma pessoa mais confiante e com uma atitude positiva.

A Hora De Mudar É Agora
Aprendendo a controlar suas emoções, pensamentos e comportamento, você irá fazer uma grande mudança em sua vida. Eu sei que essa transformação não é fácil e não acontece da noite pro dia.

Isso pode demorar um tempo para acontecer e é preciso ter coragem e perseverança durante o processo, pois toda mudança é complicada.

Primeiramente é necessário mudar a mentalidade! Mudando sua mentalidade, você terá mais facilidade para seduzir e conquistar mulheres lindas.

Pare de pensar que as mulheres gostam de dinheiro e que se você não tiver dinheiro, nunca irá sair com uma mulher linda, daquelas que deixam todo mundo babando…

Então para começar a mudar os seus resultados, você precisa obrigatoriamente mudar seus pensamentos. Se você não consegue abordar uma mulher hoje, é porque algum pensamento seu está te impedindo de agir.

A partir de agora você terá que evitar pensamentos como:

“mulheres só gostam de caras ricos”
“ela é muito gata e nunca falaria comigo”
“se eu for falar com ela todo mundo vai achar estranho”
“vão rir de mim se ela me der o fora”
Para se livrar deste tipo de pensamento e começar a abordar mulheres, é necessário trabalhar o seu controle mental. E para isto é preciso ter um método eficaz que que seja fácil de aplicar e que gere resultados, e o melhor que eu conheço é o Método de Sedução Alpha.

O Método De Sedução Alpha
Este método foi criado pelo meu amigo Adriano, que é um grande psicólogo, consultor de relacionamento e Coach em desenvolvimento pessoal, sedução e conquista de mulheres. Autor de dez livros sobre psicologia feminina, PNL (programação neuro linguistica), linguagem corporal, desenvolvimento pessoal, moda, relacionamentos, sedução e conquista.

Depois de anos de prática, ele resolveu transformar toda sua expertise em um material fantástico e de fácil assimilação. Assista ao vídeo abaixo para conhecer melhor o método que ele desenvolveu para que você consiga se tornar um verdadeiro homem alpha.

Aprenda Como Seduzir Mulheres
Mas afinal, sedução se aprende? Sim, você pode aprender a seduzir e se transformar em um homem extremamente confiante. Saber abordar mulheres e conquista-las é uma habilidade que qualquer um pode aprender.

Para isso acontecer é preciso estudar muito e principalmente aplicar o aprendizado no seu dia a dia.

Uma das coisas que o Método De Sedução Alpha ensina é exatamente isto, como assumir o controle da situação e passar a agir com a confiança e atitude necessária.

Você vai perceber que em pouco tempo de estudo e com um pouco de prática os seus resultados com as mulheres irão mudar. Seus amigos ficarão com inveja de você…

Em pouco tempo você já estará abordando mais e mais mulheres, demonstrando confiança e fazendo que isso se torne natural em sua vida.

Área De Membros Do Método De Sedução Alpha

Com o Método de Sedução Alpha você vai abrir seu mundo para uma infinidade de oportunidades que você nunca sonhou em alcançar.

Você vai aprender a controlar a sua mente e passará a ter um controle total sobre suas emoções e comportamentos.

Este treinamento é ideal para homens que querem conquistar mulheres lindas mas não sabem o que fazer e nem como começar. Ele é composto por cursos e palestras online, além de todos os ebooks premium do Adriano Moura.

Todos materiais referentes ao Método De Sedução estão dentro de uma área de membros. Você pode acessar ela de qualquer lugar, desde que tenha um aparelho conectado a internet.

Então não perca mais tempo e comece agora a mudar a sua vida e sua relação com as mulheres.

1 – O crescimento pessoal de um Homem Alpha: Você aprenderá como se tornar um homem mais confiante e com iniciativa, além de conhecer quais são as atitudes corretas de um Homem Alpha

2 – Tudo que você precisa saber sobre as mulheres: Os segredos que os Alphas conhecem e que a maioria dos caras não sabem.

3. A mágica arte da sedução: Técnicas testadas na prática ensinam como se sair bem sucedido em todas as etapas da sedução de uma mulher.

4. Conquistar uma mulher para um relacionamento: Como você poderá fazer com que uma mulher incrível se apaixone loucamente por você.

5. Como manter um namoro: O que fazer para manter seu relacionamento sempre aquecido.

Número de páginas: 199

Formato: PDF

50 Leis do Homem com Poder Sexual

Polêmico e inigualável, este e-book revela os segredos mais obscuros da sedução de mulheres, focado exclusivamente em criar atração sexual.

Adriano Moura quebrou os padrões e revelou a verdade sobre a Psicologia Sexual das Mulheres, aquilo que elas não querem que você saiba.

Este material revelará a você que não sabe absolutamente nada sobre seduzir sexualmente uma mulher.

Existem 50 Leis que se você seguir a risca alcançará um sucesso impressionante na sedução de mulheres, haverá uma fila de gatas sexy loucas para fazer sexo com você.

Número de páginas: 43

Panetones lucrativos e sua origem

O panetones lucrativos é um alimento tradicional da época de Natal, de origem milanesa, do norte da Itália. Várias lendas tentam explicar a sua origem. O pão doce de natal possui fragrância discreta de baunilha e recheio de frutas secas, tais como damasco, laranja, limão, figo, maçã, cidra e a uva passa.

Apesar de geralmente ser associado à cultura milanesa, tendo a forma alta e mais fina, há também o panetone piemontês, diferente apenas por ser mais largo e redondo.

De tão tradicional no Brasil, o panetone parece ter sido inventado aqui mesmo. Mas não foi. O pão amplamente consumido no Natal foi criado em Milão, na Itália, graças ao “erro” de um padeiro. A lenda em torno de sua criação.

Tradicional iguaria consumida na época do Natal, o panetone é um pão doce, recheado de frutas secas (uvas passas e frutas cristalizadas). Tem fragrância de baunilha. Sua consistência macia é resultado de um processo de fermentação natural.

A origem do panetone é um mistério. Existem várias lendas sobre sua origem, com uma descrição em comum: o Panetone tem origem em Milão, na Itália.

Segundo uma das lendas, o panetone foi criado por um padeiro chamado Toni, que trabalhava na padaria Della Grazia, em Milão, na época de Ludovico, o Mouro (1452 – 1508). O jovem padeiro, apaixonado pela filha do patrão, teria inventado o pão doce para impressionar o pai de sua amada. Os fregueses passaram a pedir o “Pani de Toni”, que evoluiu para o “panattón” (vocábulo milanês), e depois para “panettone” (italiano).

Segundo outra lenda, o panetone foi inventado na corte de Ludovico, o Mouro, na véspera do Natal, entre os anos de 1494-1500. Conta a lenda que o Natal era uma grande festa celebrada com grandes banquetes. Em um dos Natais, a sobremesa que havia sido preparada queimou ao ser assada. Um dos empregados da cozinha, chamado Antonio, havia preparado uma massa com sobras de ingredientes, que pretendia levar para sua casa. Sem outra opção, ofereceu sua massa para servir como sobremesa para a corte. De acordo com a lenda, a sobremesa foi tão apreciada que Ludovico perguntou qual o nome da iguaria. O jovem Antonio, chamado para responder a pergunta de Ludovico, disse que a sobremesa não tinha nome. Ludovico resolveu chamá-la de “Pani de Toni”, dando origem ao nome.

Outra lenda diz que o panetone foi inventado no século III d. C. Á princípio, segundo essa versão, teria a forma de um pão grande.

Atualmente, o panetone é comercializado em unidades, geralmente de 500 gramas. Nas últimas écadas, surgiram inúmeras variedades de recheios de panetone (Chocotone, Colomba Pascoal, Sorvetone, etc.).

São Paulo – De tão tradicional no Brasil, o panetone parece ter sido inventado aqui mesmo. Mas não foi. O pão amplamente consumido no Natal foi criado em Milão, na Itália, graças ao “erro” de um padeiro.

A lenda em torno de sua criação remonta ao ano de 900 e diz que o humilde assistente de padeiro Toni, após ter trabalhado horas a fio na véspera de Natal, precisava ainda assar mais uma fornada de pães e preparar uma torta para seu chefe.

De tão exausto que estava, confundiu-se e colocou as uvas passas da torta na massa de pão.

Desesperado, tentou salvar a situação jogando frutas cristalizadas, manteiga, ovos e os demais ingredientes do recheio que seriam usados originalmente na torta. Toni assou a mistura e entregou para o patrão.

O que o assistente não esperava era que sua criação fizesse sucesso durante a ceia de Natal de seu chefe, que, além de elogiá-lo, decidiu homenageá-lo e dar o nome à massa de “pane di Toni” (“Pão do Toni”, na tradução do italiano). Com o passar do tempo, o bolo começou a ser chamado de panetone.

Como toda boa lenda, a origem do panetone possui várias versões, mas todas elas têm Toni como denominador comum. A chegada dos imigrantes italianos no Brasil após a II Guerra Mundial trouxe o panetone para o país. A Bauducco diz que o fundador na empresa, o italiano Carlo Bauducco, começou a vender o produto aqui a partir de 1948.

A confecção do panetone clássico na Itália é tão levada a sério que em 2005 passaram a ser especificados por lei os ingredientes e os percentuais mínimos que devem ser utilizados para que o bolo possa ser classificado como panetone. Em entrevista à ANSA, a Bauli, umas das mais tradicionais empresas no ramo de panetones na Itália, explicou que o decreto determina que sejam utilizados “farinha, sal, açúcar, ovos, nata e frutas cristalizadas, cuja quantidade não pode ser inferior a 20%”. Sem frutas – Na Itália, além do panetone, o pandoro também disputa a preferência no paladar italiano durante o Natal. Essa variação, criada em Verona, é similar ao panetone, mas não leva frutas.

No entanto, apesar de serem ambos tradicionais, o panetone acaba sendo o mais procurado. “O panetone é certamente o mais popular”, afirma o confeiteiro Carlo Pozza, da padaria Da Venicio, em Vicenza, na Itália. As “invencionices” brasileiras, como panetones de doce de leite, que fogem do tradicional, também podem ser encontrados na Itália. “Nos últimos tempos, os confeiteiros começaram a oferecer panetones com ingredientes diferentes, como pistache, fruta fresca, limoncello (espécie de licor de limão), chocolate, cerveja ou vinho doce”, disse à ANSA o especialista Davide Polini.

“Esses panetones servem para estimular as vendas, levando a clientela a provar gostos diferentes”, afirmou o mestre confeiteiro Murizio Busi, da Pasticceria Paola, em Ferrara, na Itália. “Mas, em minha opinião, os tradicionais são sempre melhores”, afirmou o mestre, que também faz parte da Accademia Maestri Pasticceri Italiani, associação que reúne importantes expoentes da confeitaria do país. Nos últimos anos, também foram introduzidos no mercado italiano os panetones salgados.

É possível encontrar versões com alcaçuz e açafrão, tartufo, gorgonzola e até mesmo o “panetone pizza”. Lançado em Nápoles, leva ricota doce, flocos de frutas e de chocolate cristalizados colocados sobre a massa tradicional de pizza. O bolo milanês inspirou até mesmo o “Cocktail Panettone”, bebida para os brindes de fim de ano. Industrial x Artesanal – No Brasil, já se pode encontrar há algum tempo panetones artesanais. Algumas padarias, por exemplo, tiram de seus próprios fornos sua produção dos bolos natalinos.

Na Itália, apesar de serem um pouco mais difundidos e apreciados, são os industriais que ganham na preferência dos consumidores. “Em 2008, foram vendidos na Itália 100 milhões de panetones, mas somente 20% eram artesanais”, explica o confeiteiro Iginio Massari, da Pasticceria Veneto, em Bréscia, no norte da Itália.

Por outro lado, o confeiteiro Maurizio Busi acredita que a matéria-prima dos panetones artesanais é melhor. “O frescor, a riqueza dos ingredientes, a personalização e a busca pelos melhores ingredientes, além das habilidades do confeiteiro, fazem toda a diferença”, acredita. O panetone é tão amado na Itália que foi criado o projeto “Panettone tuttol’anno” (“Panetone o ano todo”). Idealizado pelo “gastronauta” Davide Polini, propõe que o panetone seja vendido constantemente.

“Por que só no Natal? O panetone pode ser consumido em todas as estações. Acho um absurdo que se deva comê-lo somente nesta época do ano”, disse. Polini já comeu panetone inclusive no verão, “na praia, embaixo de um guarda-sol, acompanhado de sorvete”. E aqui, será que a moda pega?

1 kg de farinha de trigo peneirada
3 ovos (grandes)
1 copo (americano) de açúcar
1 pitada de sal
2 colheres (sopa) de manteiga ou margarina
250 ml de leite morno
50 g de fermento biológico
300 g de frutas cristalizadas (ou cubos de chocolate)
250 g de uva passa (de preferência sem sementes)
20 ml de essência de panetone (opcional)
raspas de 1 limão

Veja também: panetones lucrativos

O longo caminho de Três Grandes
Pães medievais até o Panetone
“Panetone” vem de Pão de Toni?? De acordo com esta entrada terminológica, Toni, um humilde ajudante de cozinha de Ludovico o Mouro, seria o inventor de um dos doces mais característicos da tradição italiana. Eis a história: na véspera de Natal, o cozinheiro-chefe de Sforza queimou o doce preparado para o banquete ducal. Toni, então, decide sacrificar o pão de levedura-mãe que tinha reservado para o seu Natal. Ele o prepara bastante com farinha, ovos, açúcar, uvas passas e frutas cristalizadas, até obter uma massa macia e muito levedada. O resultado é um sucesso estrondoso, que Ludovico o Mouro chama de Pão de Toni, em homenagem ao criador.

A primazia de Toni não é assim tão pacífica O empreendedor ajudante de cozinha disputa com outros criadores da confeitaria, entre os quais se destacam Ughetto degli Atellani e a Irmã Ughetta. No entanto, o lugar da disputa não é na história e sim no imaginário colectivo: a história de Toni e as outras são lendas criadas entre o fim do século XIX e início do XX para ilustrar ainda mais o que já era orgulho da gastronomia de Milão. Ughetto e Ughetta, entre outras coisas, são nomes ligados à palavra milanesa para uva passa: ughett.

A verdadeira origem do panetone deve ser procurada no costume difundido na época medieval de celebrar o Natal com um pão mais saboroso que o de todos os dias. Um manuscrito tardio do século XV de Giorgio Valagussa, preceptor da casa Sforza, atesta o costume ducal de celebrar o chamado rito do tronco. Na noite de 24 de dezembro colocava-se um grosso tronco de madeira no caminho e, enquanto isso, eram levados à mesa três grandes pães de trigo, matéria prima de grande valor na época. O chefe de família servia uma fatia para todos os comensais, reservando uma para o ano seguinte, como símbolo de continuidade.

Outra realidade histórica sugere a origem do panetone de um grande pão de trigo do Natal: até 1395 todos os fornos de Milão (exceto o pertencente aos Rosti, fornecedor das pessoas com maior poder aquisitivo) tinham permissão de cozinhar pão de trigo apenas no Natal, Como homenagem aos seus clientes habituais. O costume de comer pão de trigo no Natal, no entanto, é muito antiga. Não é de admirar-se, porque muitas outras cidades italianas e europeias compartilham o costume de pão enriquecido na época de festas. No entanto, apenas em Milão se tornou panetone.

Desta longa evolução, algumas fases estão documentadas. Em 1606, de acordo com o primeiro dicionário milanês-italiano (Varon milanes), o Panaton de Danedaa era um Pão Grande, que é feito geralmente no dia de Natal, como Metáfora um inepto [sic], preguiçoso, recente. Francesco Cherubini nos dá uma descrição mais rica no seu célebre Vocabulário milanês-italiano em cinco volumes (publicado entre 1839 e 1856; o terceiro volume M-Q é de 1841). O Panattón ou Panatton de Natal como uma Spe[cie] de pão de trigo decorado com manteiga, ovos, açúcar e uvas passas (ughett) ou sultana, com a adição de amêndoas na massa quando cozida e que resulta com muitas pontas. Grande e de uma ou mais libras, costumamos fazê-lo apenas no Natal, de massa igual ou similar mas em panellini. É feito todos os anos nas festas e é chamado Panattonin – Na zona rural, por outro lado, o Panatton costuma ser de farinha de grão turco e enriquecido com pedaços de maçãs e sementes de uva.

A primeira fonte a falar de levedado, no entanto, é de 1853: o Novo cozinheiro milanês económico, livro de receitas de Giovanni Felice Luraschi. As frutas cristalizadas (de cidra) aparecem no Tratato de cozinha, confeitaria moderna (1854) de Giovanni Vialardi, cozinheiro dos governantes sabaudi. A presença do panetone em um livro piemontês do século XIX prova a antiguidade da difusão deste doce na região escolhida pela Flamigni como sede das suas instalações de produção.

Curso de Maquiagem – Make Total

A Luciane Ferraes, criadora do blog que leva o seu mesmo nome e também do Curso De Maquiagem Make Total, começou ele em 2010 e agora seis anos depois acumula mais de 200 mil seguidores apenas no Facebook, sem contar os seus seguidores no Instagram e Youtube.

Além dela, o blog ainda tem outras duas colaboradoras, a Renata e a Mayara que juntas com a Lu Ferraes, passam dicas de make para você que deseja ficar ainda mais bonita para sair, para ir em um evento ou apenas para caminhar na praia e conquistar aquele seu crush.

Eu acompanho ela desde 2015 e sinceramente sou completamente apaixonada pelo o que ela ensina, são dicas tão fáceis, tão práticas e legais que da vontade de ficar se maquiando o dia todo, uma pena que não posso né? haha

O legal dela também é que como viaja por ai fazendo Workshops de maquiagem, você pode acabar vendo ela talvez na rua da sua casa e ai seria bem legal não é? Eu amaria ver ela na rua.

Se eu fosse você acompanharia o trabalho dela sempre, veja o canal da Lu no Youtube, a página “Luciane Ferraes” no Facebook e as outras mídias sociais que ela possui e que divulga sempre no seu blog.

Além de todo o trabalho dela no canal e lá no Facebook, ainda podemos contar sobre o seu curso, que eu fiz e realmente adorei, o nome dele é:

Curso de Maquiagem Make Total – por Luciane Ferraes
curso de maquiagem lu ferraes

A Luciane Ferraes tem um curso com 24 aulas e ainda com certificado e no Curso De Maquiagem Make Total ela ensina como você pode se maquiar de maneira rápida e fácil, eu assisti todas as aulas umas 3x e na minha opinião as aulas que eu mais gostei foram a que ela ensina a montar o seu kit de maquiadora, a aula sobre sobre como corrigir as olheiras e que eu tenho bastante por causa da faculdade, trabalho, blog, então dormir é o que menos faço haha e com isso eu fico com umas olheiras bem feias mas graças as aulas dela eu já consigo ficar sempre bonita.

Outra aula bem legal do curso dela é a que ensina sobre a boca perfeita, que é divina e eu gostei tanto de fazer em mim, o resultado ficou bem legal, estou até pensando em gravar um vídeo mostrando como a minha ficou.

Conteúdo do curso make total lu ferraes
Ah, tem muito mais aulas dentro do curso né, afinal são 24 aulas bem legais, ai você pode decidir qual aula vai gostar mais ou menos e comenta aqui ta bom? Confira agora todos os módulos:

Apresentação
Montando seu kit (o básico iniciante)
Kit profissional para maquiadores iniciantes
O que vejo no espelho (identificando formato de rosto e traços principais)
Tipos de pele e melhores produtos
Durabilidade da maquiagem
Temperatura e subtons de pele (pele fria e pele quente)
Escolhendo a base
Corretivo sem mistério
Corrigindo olheiras
Contorno , luz e sombra
Onde está meu côncavo?
Aprenda a passar sombra em três passos simples
Esfumado perfeito
Esfumado na linha d’água
Degradê e fusão de cores
Truques para aplicar delineador
Olhos grandes X Olhos pequenos
Olhos fundos X Olhos inchados
Máscara de cílios e olhos de boneca
Guia dos cílios postiços
Dicas para acertar o make na foto
Harmonizando as cores das roupas com a maquiagem
Boca perfeita
Se quiser ver um pouco mais sobre o make total veja só o vídeo que a Lu Ferraes gravou falando sobre ele:

Depoimentos de alunas
Uma coisa bacana é que todas as meninas que fizeram este curso acabaram gostando muito, veja só alguns depoimentos que achei:

curso make total

make total ju ferraes

curso make total lu ferraes

luciane ferraes curso

Esses depoimentos aí são apenas alguns dos milhares que você pode ver no blog da Lu, tudo isso pois o curso é realmente excelente e bem baratinho.

O valor do curso é apenas R$ 67,00, um valor bem baixo mesmo. Este valor é pago apenas uma vez, ou seja não tem nada de pegadinha e mensalidades.

> Conheça também o curso Branding Me, da Claudinha Stoco <<
Formato do curso
O curso Make Total – Luciane Ferraes é 100% online, e você pode assistir as aulas de onde quiser, seja do tablet, do computador, do notebook, do celular, enfim de tudo, desde que tenha conexão com internet. A inscrição você faz pelo site oficial do curso que é www.cursodemaquiagemluferraes.com.br e você pode pagar via boleto ou cartão, quando é via boleto pode demorar até 3 dias após pagar o boleto para você receber o acesso e já via cartão recebe o acesso em minutos, por isso eu recomendo que se puder use o seu cartão para comprar e parcele em até 4 vezes!

Certificado
Ao final do curso você receberá um certificado digital assinado pela própria Luciane Ferraes.

chamada1

Garantia
E claro, não se preocupe, você tem também 30 dias de garantia da própria Luciane Ferraes, se não gostar do curso pode pedir o seu reembolso, mas caso não queira pedir o seu reembolso e sim ficar com o seu acesso ao curso, terá 90 dias de acesso a todas as aulas para você assistir, ou seja são 3 meses inteiros para você acessar as aulas e aprender tudo que ela ensina.

Então ta esperando o que para fazer parte do curso dela também? Só acessar o site oficial do curso clicando aqui e fazer a sua inscrição.

Depois que se inscrever, deixa seu comentário aqui embaixo dizendo o que anda achando das aulas ta bom?

Acabar com a Queda de Cabelo

É muito comum perdermos vários fios de cabelo por dia (acredita-se que o número gira em torno de 120) – quando mexemos, penteamos, durante o banho, entre outros momentos –, mas e quando você nota um volume anormal no travesseiro, na mesa do trabalho e em outros locais? A queda de cabelo é real e acontece com homens e mulhere por causa do dht queda de cabelo.
O foco hoje é saber como é possível acabar com a queda de cabelo, afinal isso pode ser um incômodo e há a intenção de querer manter o volume e parar com a preocupação que isso pode provocar. Mas calma, antes talvez você precisa entender que:

Queda de cabelo é diferente de:
Perda normal de cabelo,
Calvície.
Há muitas causas associadas com a queda de cabelo.
Com esses dois pontos, chegaremos ao objetivo: como acabar com a queda de cabelo.

O QUE É REALMENTE QUEDA DE CABELO?

Queda de cabelo, perda de cabelo e calvície não são sinônimos. Primeiramente, veja como é formação de um fio em si – que é dividida em três fases:

1ª Fase: Anágena – fase do crescimento que pode ter duração entre três a cinco anos,

2ª Fase: Catágena – fase de transição (intermediária) que é o momento em que os fios param de crescer e o normal é durar três semanas,

3ª Fase: Telógena – fase de eliminação dos fios mortos, podendo durar de cinco a seis semanas.

Neste processo, o fio que caiu será substituído por outro que está nascendo. Esta é a perda (ou queda, como também dita) de cabelo normal, pois mantém-se uma quantidade equilibrada de fios no couro cabeludo.

Agora, se os fios que se desprendem apresentam aquela pontinha branca, isso significa que ele não completou o ciclo todo – o que pode indicar uma queda de cabelo por motivos anormais. É essa a queda de cabelo que você deve ficar de olho.

Uma observação importante: o branquinho na ponta do fim não é a raiz! É o que se chama de mucina, parte que prende o cabelo no folículo.
A calvície, por outro lado, também conhecida como alopecia androgenética, é genética, ou seja, ocorre por conta de uma junção de um hormônio com uma enzima e é mais frequente em homens do que em mulheres. A calvície não é uma queda de cabelo, mas basicamente um quadro de rarefação capilar, isto é, vê-se o nascimento de fios cada vez mais atrofiados e finos até que se chegue ao couro cabeludo “dht queda de cabelo”.

Pensando exclusivamente na queda de cabelo, há muitas causas que precisam ser mencionadas, afinal descobrir a razão exata que está ocasionando este problema é indispensável para acabar com a queda de cabelo de uma vez por todas!

CAUSAS DA QUEDA DE CABELO

A queda de cabelo, para homens e mulheres, pode se dar por motivos internos e externos. Isso quer dizer que fatores ambientais podem afetar a saúde dos fios, da mesma forma que o próprio organismo possa provocar alguma mudança no ciclo e fazer com que ocorra o problema da queda.

Então, para saber como acabar com a queda de cabelo, observe na tabela abaixo as inúmeras causas que podem provocar a queda dos fios e descubra se há qualquer semelhança com sua situação:

Amamentação,
Anestesias prolongadas,
Casos pós-parto,
Caspa, em especial quando não tratada,
Disfunções na tireoide,
Doença autoimune (alopecia areata),
Doenças infecciosas,
Estresse,
Excesso de nutrientes, tais como cobre,
Excesso de oleosidade,
Exposição em demasia ao sol,
Falta de nutrientes, tais como magnésio, ferro e vitamina B,
Gestação,
Herança genética de perda capilar,
Idade,
Penteados que deixam os fios muito presos ao couro cabeludo,
Tratamentos de radioterapia e quimioterapia,
Tratamentos químicos capilares,
Uso de antidepressivos, medicações para emagrecimento, anfetaminas e remédios para tratamento de acne.
Um médico dermatologista pode fazer o diagnóstico sobre qual é o causador da queda de cabelo e indicar o melhor tratamento. Muitas pessoas também fazem uso de dicas e recomendações, além de maneiras que previnem possíveis quedas de cabelo futuras. Saiba mais a seguir.

COMO ACABAR COM A QUEDA DE CABELO?

Existem vários tratamentos dermatológicos que visam acabar com o problema da queda de cabelo. Um deles é uma loção à base de latanoprosta – substância que é utilizada para o tratamento de glaucoma, mas que é eficaz para o crescimento de novos fios e no estímulo daqueles que já estão em fase de crescimento.

Outro tratamento se chama microagulhamento, que visa aumentar a vascularização da região do couro cabeludo.

O médico dermatologista pode recomendar algum tratamento feito em clínicas especializadas, como os exemplos citados acima, como também algum medicamento tópico (como o Minoxidil) ou oral.

Agora, dicas para acabar com a queda de cabelo não faltam, principalmente quando você ainda não buscou auxílio médico! São elas:

Sempre deixe seus cabelos limpos – cabelo sujo é um fator que provoca maior queda de cabelo,
Procure reduzir o estresse e a ansiedade de seu dia a dia: embora pareça difícil, procure ter uma rotina mais saudável e menos agitada,
É recomendável não prender os cabelos quando estão úmidos ou molhados, pois pode fazer com que fungos se alojem,
Também, seria interessante não ficar prendendo o cabelo sempre, ainda mais com os elásticos, pois eles deixam os fios quebradiços,
Procure ter uma alimentação balanceada (lembre-se de todos os grupos alimentares),
Evite lavar o cabelo com água quente, já que ela pode fazer com que ocorram inflamações no couro cabeludo e aparecimento de caspa,
Faça massagens no couro cabeludo quando estiver com o cabelo seco – haverá maior irrigação do sangue, o que nutrirá melhor os fios.
Nunca se automedique e procure dar valor ao acompanhamento de um especialista. Estas dicas servem como complemento de um bom tratamento dermatológico para deixar as madeixas novamente saudáveis e acabar com a queda de cabelo.

Veja 9 situações que toda cacheada passa quando alisa o cabelo!

Existem algumas verdades absolutas nesse mundo e uma delas é: quem nunca alisou o cabelo certamente jamais saberá os sufocos que as adeptas das escovas alisadoras passam. Com certeza, essas meninas já inventaram métodos para manter os fios lisos por mais tempo e se privaram de uma série de atividades por causa das madeixas. Se a gente fosse contar todas as histórias, provavelmente nem sairíamos daqui hoje, mas selecionamos algumas dessas situações para você relembrar, concordar ou descobrir que existe muita coisa escondida por trás de um cabelo lisinho de chapinha. Dá só uma olhada!

1 – Praia ou piscina com frequência? Nem em sonho!

Quem alisa os fios geralmente não gosta que as pessoas vejam seus cabelos quando estão ao natural. O costume com a chapinha é tão grande, que elas mesmas não se reconhecem com a cabeleira molhada e tudo incomoda: a raiz que pode estar um pouquinho mais alta, o volume, o vento que deixa o cabelo mais armado e até a água salgada ou o cloro, que ressecam ainda mais as madeixas.

Resumindo: é normal que uma alisada prefira não ir a esses lugares ou diga para todo mundo que não gosta mesmo só para não passar por tudo isso. Algumas até vão, mas deixam aquele mergulho refrescante sempre de lado.

2 – O dia do retoque da raiz é maravilhoso e péssimo ao mesmo tempo

Calma, a gente explica. O dia é maravilhoso porque qualquer sinal de raiz enroladinha que possa estar aparecendo na cabeça das alisadas vai ser exterminado e, para elas, essa sensação é indescritível. Mas também é péssimo porque a maioria tem o cabelo muito cheio (por mais que não pareça depois da chapinha), ou seja: a hora de alisar é trabalhosa e superdemorada.

Dependendo do processo, da quantidade de cabelo e da agilidade do profissional, o retoque dura mais de 5 horas. Isso mesmo, você leu certo: mais de 5 horas sentada na cadeira do salão de beleza. Dá pra ler quase um livro inteiro, estudar para uma prova importante, ouvir uma quantidade absurda de músicas ou fazer o que a mulherada faz de melhor no cabeleireiro: papear até cansar.

3 – Machucadinhos no couro cabeludo são frequentes depois do retoque

Essa parte é uma das piores, sim ou claro? Algumas químicas são tão fortes que, além de agir nos fios, também detonam o couro cabeludo e causam feridinhas na mesma hora. O pior é que se a pessoa já tem qualquer arranhãozinho na cabeça, mesmo que tenha sido causado por uma coisa simples – como as unhas na hora em que dá aquela coceirinha -, pode ir preparada para sentir a ardência “natural” da química ser ainda maior.

4- Quando faz frio, vale tudo para proteger os cabelos

Primeiro: não existe bolsa de alisada sem guarda-chuva. É colorimetria capilar! Ela pode esquecer a chave de casa, mas o grande salvador está lá. E para proteger a raiz da umidade vale tudo: trança, rabo de cavalo, coque, touca, capuz do casaco ou qualquer coisa que ela tenha à mão na hora em que a chuva aperta. Ah, tá aí outra situação que merecia um tópico só para ela: não tem mais banho de chuva. Tipo, nunca mais.

5 – E quando faz calor, o sofrimento também é grande

Apenas imagine aquele calor absurdo do verão brasileiro. Agora pense na quentura da chapinha e do secador na hora de fazer chapinha. Junte os dois e você terá um cabelo recém alisado encolhendo por causa do suor que a situação causa. Nem precisa explicar mais, né?

6 – Pode faltar espaço para roupas, mas a chapinha e o secador ficam na mala de viagem

Depois de escolher o destino da viagem com bastante cuidado e tendo certeza que lá ela vai poder ficar com os cabelos lisos (ou, pelo menos, vai conseguir retocar sempre) para arrasar em todas as fotos, chega a hora de fazer a mala e o que as alisadas pegam primeiro?

1 – a bolsinha de remédios;

2 – as roupas do armário;

3 – a chapinha e o secador;

4 – a passagem de ônibus ou avião;

Fiquem com essa questão na cabeça e avaliem se serão capazes de responder.

7- Lavou o cabelo, não deu tempo de fazer chapinha e precisa sair. Como faz?

Não faz. Simples assim! Boa parte das alisadas tenta sempre evitar esse tipo de situação, mas quando elas, enfim, acontecem, não é difícil encontrar quem prefira ficar em casa. Se for um evento que realmente não pode ser adiado, sempre rola um penteado todo preso ou um atraso significativo para dar tempo de, pelo menos, “dar um jeitinho” nas madeixas com a chapinha.

8 – Coleção de marcas de queimaduras causadas pelas chapinhas é comum

Elas já se acostumaram tanto com a dor que nem se abalam mais. Tem quem tenha marca nos braços, nas pernas, nas mãos, no pescoço… As orelhas, então! Estão na zona colorimetria capilar. A chapinha é traiçoeira e não se contenta só com o couro cabeludo, não. Cuidado com ela!

9 – Apesar de tudo isso, elas se sentem maravilhosas!

E é isso que importa, não é mesmo? Usar o cabelo alisado, cacheado, natural, curto, longo ou pintado deve sempre ter como objetivo fazer a dona dos fios se sentir bem com ela mesma. Todo mundo tem o direito de escolha, por isso, se você quiser passar pela transição e assumir os cachinhos, passe. Mas, também, se quiser continuar alisando a cabeleira, continue! O que faz você ficar linda é usar a liberdade que você tem para isso. Se joga!